21 março 2011

ouvir

[ ouvir ]  uma ação que tenta compreender o outro (deveria ser)
mas o que se faz na realidade, na maioria das vezes é : "como vou responder", "eu penso assim", "como vou reagir"...
comomeça e termina sendo uma ação onde os pensamentos se desenrolam no limite de dentroda sua cabeça


isto é, existe a [ ação de ouvir] , como uma ação que direciona a atenção e interesse no outro
mas que na realidade, o que se faz é direcionar a atenção nas coisas que surgem na sua própria mente, e faz desenrolar em várias direções.


a ação de ouvir seria a ação de direcionar a atenção e intersse no outro.
mas na realidade
é um estado em que a atenção está voltado ao que acontece dentro da sua própria cabeça

significa que a atenção está voltada em direção contrária

pensa em ouvir o outro
mas o que faz é direcinar a atenção nas suas coisas

um apego a coisas de si

se alguém diz:
- "essa comida não é gostoso" - recebe como crítica a si
- "esse relatório está a desejar" - desculpe, não tive tempo..., tenta falar de si
- "não gostei disso" - é porque isso aquilo..., tenta justificar

é claro que se deve falar o que quer falar ao outro
mas antes de mais naada, ouvir o que o outro quer ouvir, compreender, e depois disso, se tiver algo que queira falar, falar...

antes de ouvir o que o outro quer falar, de compreender o outro, estão as minhas idéias, se quero ou não quer fazer.... começa pensar nas suas coisas..... está apegado em sim

não ter atenção ao outro, na realidade, já em em si, um estado de apego ao "eu"

by M.O.

Um comentário:

  1. Uma das coisas que mais me impressionou no mundo acadêmico foi exatamente isso. No lugar de ouvir - já que trata-se de um lugar onde o conhecimento está sendo desenvolvido - as pessoas no geral estão preocupadas em justificar. Não sei até que ponto esse ato também não seja o ato de desenvolver outra idéia, criar algo novo. Mas, como está exposto aí no texto, não se trata de "ouvir". No entanto, pegando por outro lado, existe também uma diferenciação entre o "ouvir" e o "escutar". Nesse caso - e talvez aqui more um ponto importante pra compreender o termo -, o termo "escutar" cabe dentro do significado proposto aí no texto. É dizer, o ato de escutar diz respeito ao ato de ser "guiado por", enquanto o ato de ouvir está mais relacionado a "perceber pelo ouvido". Chequei os termos aqui: http://www.priberam.pt/DLPO/default.aspx?pal=ouvir

    Abraço

    ResponderExcluir

pitacos carinhosos